Páginas

sábado, 15 de setembro de 2012

FORÇAS ARMADAS - VAI SAIR EM 2013 A QUITAÇÃO DOS 28,86% QUE OS MILITARES TEM DIREITO

Antes tarde do que nunca - Difícil de entender que um governo erre (ITAMAR FRANCO) - outro não corrija o erro (FHC) e que dois governos depois (LULA e DILMA) embora certo que o pagamento é um direito dos militares, ainda esteja passando de esfera em esfera para ser resolvido.

Tramite final para pagar dívida em 2013
Matéria de O Dia On Line
POR MARCO AURELIO REIS

Rio - O projeto de lei com a esperada quitação da dívida dos 28,86% a militares das Forças Armadas vai entrar em pauta no Congresso logo depois das eleições, de modo a garantir o pagamento de valores até R$5 mil em 2013. O projeto que se arrasta no governo a passos lentos desde 2010 já está em instâncias superiores do Ministério do Planejamento. Antes de ir ao Congresso terá que passar pela Casa Civil da Presidência.

5 comentários:

Anônimo disse...

Nossas famílias estão passando fome!!! Enquanto os politicos se reunem em cupulas na madrugada para negociarem seus próprios aumentos.

Anônimo disse...

O QUE ACHO MAIS INTERESSANTE EM TUDO ISTO É QUE O JUDICIARIO DEU GANHO DE CAUSA E O AGU DA UNIÃO TAMBEM, PORQUE ENTÃO NÃO COLOCAR EM VOTAÇÃO LOGO DE IMEDIATO PARA AMENIZAR UM POUCO NOSSA SITUAÇÃO, POIS O GOVERNO FAZ E EDITA TANTAS MEDIDAS PROVISORIAS, PORQUE NÃO FAZER MAIS UMA E MANDAR PAGAR OS 28.86 POR CENTO ÁS FOPRÇAS ARMADAS.DÁ A IMPRENSAO É QUE O GOVERNO NÃO TEM A VONTADE DE QUITAR ESTA DIVIDA PARA COM AS FORÇAS ARMADAS. CREIO QUE SERÁ POR REVANCHISMO QUE ISTO ESTA ACONTECENDO, CASO CONTRARIO NÃO DÁ PARA ENTENDER.

Anônimo disse...

O Governo Dilma está retardando o máximo que pode o pagamento da diferença dos 28,86% devida aos militares, sem a explicação de justo motivo. Falta de verba não é, pois o que significa 5,9 bilhões para o Brasil. Em contra partida, libera crédito fácil, para nosso endividamento.
Exmª Presidenta, assina logo essa MP e manda pagar essa mereca, que seja em 6 parcelas, só assim irá tirar esse peso dos ombros do Governo Federal, que se arrasta desde o governo Itamar.

luizbarbosa disse...

penso que existe um acordão entre a Presidencia e a cúpula das forças armadas: ou paga-se o 28,86% aos militares ou compra os equipamenrtos da euronáutica , marinha e exército. esse poderá ser um dos motivos para o não pagamento dos precatorios das forças armadas. è claro... a cúpula optou por novos equipamentos e dinheiro para pesquisas da marinha, etc etc etc

Anônimo disse...

A DILMA TIRA NOSSOS 28/86% E GASTA EM POLITICAS,,ELEICOES,,TRANSFERNCIA PARA PARTIDOS PT,,E SEUS ALIADOS A CUSTA DE DINHEIRO,,PARA BENEFICIAR A POPULACAO NADA,,SO AUMENTO DE IMPOSTO,,ESTA SENDO O PIOR GOVERNO DA HISTORIA.......0